Geral

Constituição não admite intervenção militar, Diz Aras

Antônio Augusto Brandão de Aras, indicado para o cargo de procurador-geral da República, durante sabatina na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado

PGR reforçou, por nota, ideia de que os poderes da República são independentes e harmoniosos entre si, e falou em ‘autocontenção’

Segundo Augusto Aras, os poderes são harmônicos e independentes entre si, além de que cada poder da república deve praticar a autocontenção para que não contribua para uma crise institucional. Após o programa Conversa com Bial da TV Globo nessa madrugada, Augusto Aras comentou sobre o artigo 142 da constituição, que trata das atribuições das forças armadas, que se destinam à defesa da Pátria, à garantia dos poderes constitucionais e, por iniciativa de qualquer destes, da lei e da ordem.

FONTE: CBN

Comentar

Print Friendly, PDF & Email
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com