Últimas

Governo estuda FGTS como garantia de operações com cartão de crédito

O governo estuda permitir a trabalhadores usarem recursos de suas contas no Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) como garantia em operações do cartão de crédito. A medida tem potencial de reduzir os juros cobrados aos consumidores nessa modalidade.

A informação foi divulgada nesta quarta-feira (dia 11), pelo secretário de Política Econômica do Ministério da Economia, Adolfo Sachsida. O secretário não deu detalhes como prazos para a medida poder ser anunciada e nem disse que tipo de transação seria beneficiada.

A medida seria uma alternativa que o governo pode usar para tentar reduzir a taxa de juro cobrada do consumidor final e aumentar a oferta de crédito no mercado. O juro médio cobrado no rotativo do cartão de crédito chegou a 316,8% ao ano em janeiro, segundo dados do Banco Central. O juro do rotativo é uma das taxas mais elevadas entre as avaliadas pelo BC.

O secretário disse ainda que o Conselho Curador do FGTS deverá analisar neste mês a regulamentação do uso do saque aniversário do FGTS como garantia para crédito, abrindo um mercado novo de crédito.

Atualmente, 2,7 milhões de trabalhadores já aderiram ao saque aniversário do FGTS, sendo que o saldo de suas contas vinculadas é de R$ 20 bilhões. Pelas regras do saque aniversário, eles estão aptos à retirada de R$ 3,7 bilhões.

Como a ideia é que a nova regulamentação permita aos bancos antecipar até três anos de saque aniversário, e cerca de R$ 11,1 bilhões poderiam ser liberados pelas instituições financeiras, indicou Sachsida.

FONTE: EXTRA

Comentar

Print Friendly, PDF & Email
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com