PIB se mantém e inflação deste ano aumenta – Por Sílvio Persivo

Escrito por
Atualizado: dezembro 2, 2019

A linguagem universal dos homens e dos bichos. “Onde as palavras falham, a música fala” (Hans Christian Andersen). 

CURSO DE BIBLIOTECONOMIA E INFORMAÇÃO DA UNIR COMPLETA DEZ ANOS 

Neste ano de 2019, o curso de Biblioteconomia e Ciência da Informação da  Universidade Federal de Rondônia (UNIR) comemora 10 anos de criação, e o início da formação de profissionais bibliotecários, que atendem, hoje, toda a região ocidental da Amazônia Brasileira, isto é, os Estados do Acre, Amazonas, Roraima e Rondônia. Nestes 10 anos a Unir já formou mais de 250 profissionais que trabalham em Bibliotecas Escolares, Públicas, Prisionais e Universitárias. Por esta razão, a partir de hoje (02) até o dia 06 de dezembro de 2019,  é realizada a 7ª Semana Acadêmica de Biblioteconomia e Ciência da Informação, promovida pelo Centro Acadêmico de Biblioteconomia (CABIBLIO) em parceria com o Departamento de Ciência da Informação da UNIR e a biblioteca do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO), Campus Porto Velho Calama. Com o tema “Biblioteca, Sociedade e Educação: 10 anos de Biblioteconomia e Ciência da Informação em Rondônia”, o evento acontece no Auditório do IFRO Calama, na Av. Calama, 4985 – Flodoaldo Pontes Pinto, Porto Velho – RO. Na programação do evento, palestras e oficinas com a professora Doutora Elizete Vieira Vitorino do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), mesas redondas e apresentação de trabalhos, cujas inscrições são gratuitas.

DOCENTE DA UNIR IRÁ PRESIDIR TRE-RO 

Na sexta-feira (29), o Tribunal Regional Eleitoral de Rondônia (TRE-RO) empossou seus novos dirigentes titulares e suplentes para o biênio 2020/2021, no plenário da Corte, em Porto Velho. O docente do Departamento de Ciências Jurídicas da Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR), desembargador Marcos Alaor Diniz Grangeia, foi eleito presidente do Tribunal e o desembargador Alexandre Miguel será o vice-presidente e corregedor regional eleitoral de Rondônia. A solenidade de posse foi conduzida pelo atual presidente da Corte, desembargador Sansão Saldanha, e contou com a presença dos juízes membros do Tribunal, magistrados, autoridades civis e militares, familiares e amigos dos empossados.

RONDÔNIA CONQUISTA TREZE MEDALHAS NOS JOGOS ESCOLARES DA JUVENTUDE

Na edição deste ano dos Jogos Escolares da Juventude (JEJ), os atletas rondonienses conquistaram 13 medalhas, sendo quatro de ouro, três de prata e seis de bronze, uma a mais em relação à participação da delegação em 2018. O atleta do ciclismo, Orlando Neto, encerrou a competição na sexta-feira (29) faturando a terceira medalha de ouro na mesma modalidade colocando Rondônia no radar dos melhores do país. As primeiras medalhas, cinco de bronze e duas de pratas foram conquistadas por atletas das modalidades coletivas em competição realizada em Palmas (TO), em setembro. As demais, quatro ouro, uma prata e um bronze, os atletas ganharam nas provas e combates na etapa nacional realizada em Blumenau (SC), em novembro. No interior catarinense, o judoca juvenil Lucas Pontes estudante da Escola Estadual Manoel Bandeira, em Colorado do Oeste, enfrentou o paulista Caio Kiwada no último combate no tatame e ficou com a medalha de prata.  No último dia de competição, a equipe de vôlei de praia faturou medalha de bronze. A segunda medalha de Rondônia, a de ouro, foi conquistada pela atleta juvenil do tetratlo, Alinny Oliveira, estudante da escola estadual Tancredo Neves, em Porto Velho. Além da medalha mais cobiçada, a atleta foi recordista na prova em que o estado teve sua primeira participação na modalidade. Do ciclismo, Orlando Neto faturou as três medalhas de ouro oferecidas na competição, o que abre portas para ser um dos mais requisitados atletas da modalidade no Brasil. A dupla do vôlei de praia Tais e Milena, estudantes da Escola Estadual 7 de Setembro, em Espigão do Oeste, superaram a experiência das capixabas e garantiram medalha de prata, no último dia da competição em Blumenau. 

PIB SE MANTÉM E INFLAÇÃO DESTE ANO AUMENTA 

O boletim Focus, pesquisa semanal do Banco Central (BC), que traz as projeções de instituições para os principais indicadores econômicos, p ela quarta semana seguida, indica que as instituições financeiras consultadas aumentaram a estimativa para a inflação este ano. A projeção para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA – a inflação oficial do país) subiu de 3,46% para 3,52%. Para 2020, a estimativa de inflação se mantém há cinco semanas em 3,60%. A previsão para os anos seguintes também não teve alterações: 3,75% em 2021, e 3,50% em 2022. As projeções para 2019 e 2020 estão abaixo do centro da meta de inflação.  A meta de inflação, definida pelo Conselho Monetário Nacional, é 4,25% em 2019, 4% em 2020, 3,75% em 2021 e 3,50% em 2022, com intervalo de tolerância de 1,5% para cima ou para baixo. Já a projeção para a expansão do Produto Interno Bruto (PIB), a soma de todos os bens e serviços produzidos no país durante o ano, se manteve em 0,99%. As estimativas das instituições financeiras para 2020 variou de 2,20% para 2,22%. Para os anos seguintes, não houve alteração em relação à pesquisa anterior: 2,50% em 2021 e 2022.

AUTOR: SILVIO PERSIVO –  COLUNA TEIA DIGITAL

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.