PIB DO AGRONEGÓCIO DEVE CAIR ESTE ANO

Escrito por
Atualizado: dezembro 6, 2017

Imagine eu que sou mais inocente. “Serei tudo que disserem por inveja ou negação: cabeçudo dromedário, fogueira de exibição, teorema corolário, malabarista cabrão. Serei tudo que disserem: poeta castrado não!” (Ary dos Santos).

IX SEMINÁRIO INTEGRADO DE HISTORICIDADES E CULTURALIDADES AMAZÔNICAS

O IX Seminário Integrado de Historicidades e Culturalidades Amazônicas é um evento curricular organizado pela Coordenação e Mestrandos do Programa de Mestrado Acadêmico em História e Estudos Culturais (MHEC), cuja discussãoterá como foco em especial atenção otema: Abordagens e Metodologias: Interlocuções entre História e Estudos Culturais. O objetivo é proporcionar aos mestrandos, e ao público interessado, discutir os signos e significados que envolvem a Amazônia, não somente vista como região geográfica, mas como um espaço simbólico de disputas em torno de sua construção política, econômica, social e cultural, dando-se destaque para as populações que vivem nesta região, assim como seus mitos, saberes, vivências, festas, danças, religiões e ritos, colocando em pauta a diversidade cultural como uma das marcas distintivas do viver amazônico. O IX Seminário Integrado de Historicidades e Culturalidades Amazônicas será realizado nos dias 12, 13 e 14 de dezembro de 2017, no Auditório da DIRED/UAB/UNIR no Campus José Ribeiro Filho, em Porto Velho.

 

LANÇADO DOMINGÃO DO CDL

Aconteceu, na sede da CDL, ontem, quarta-feira (06), o lançamento do projeto Domingão do CDL que visa a promoção das vendas de fim de ano do comercio e que será realizado nas Zonas Central, Leste e Sul da cidade de Porto Velho. De acordo com a presidente da  Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL), Joana Joanara,  os eventos acontecem no mês de dezembro o que facilita as compras para época do Natal e fim de ano. O Domingão do CDL será iniciado na Zona Sul, na avenida Jatuarana, no próximo dia 6 de dezembro. Na Zona Leste o evento acontecerá no dia 13, na avenida José Amador dos Reis. O encerramento do Domingão será na avenida Sete de Setembro, dia 20 de dezembro.  Durante a programação, em cada local estarão disponível um pula-pula para a chegada do Papai Noel. No local também serão distribuídos água, pipoca e refrigerante. Este ano 80 lojistas participam do Domingão. As lojas serão abertas a partir das 8:00 e fecham às 19:00. A presidente da CDL, Joana Joanora, afirmou que, a realização é do CDL, mas, pela grandeza do projeto muitos outros parceiros participam, como o Governo do Estado, a Prefeitura de Porto Velho, Fecomércio, Sebrae, Associação Comercial de Porto Velho, FCDL e Dydio, entre outros. É esperado um recorde de público que, segundo os organizadores, deve ultrapassar trinta mil pessoas durante os dias do evento.

 

SESI RO SE CLASSIFICA PARA TORNEIO NACIONAL DE ROBÓTICA

A equipe Elev3r, da Escola Sesi-Senai Isolina Ruttmann, de Vilhena (RO), sagrou-se campeã do Torneio de Robótica First® Lego® League (FLL) – Etapa Regional Norte, realizado nos dias 1º e 2 de dezembro, no Clube do Trabalhador, no bairro São José, Zona Leste de Manaus. Nesta edição, as equipes trabalharam com o tema hidrodinâmica e o desafio era desenvolver projetos que abordam maneiras de lidar com a água. Todas as equipes tiveram que apresentar soluções para a forma como o recurso é encontrado, transportado, usado ou descartado. Formada por seis estudantes, a equipe vencedora levou a premiação principal do torneio “Champion’s Award”, que destaca o melhor na avaliação de todos os quesitos da competição: no Desafio/Design do Robô, no Projeto de Pesquisa e no Core Values. A cerimônia de premiação, na tarde de sábado (2), marcou o fim do torneio em Manaus. O resultado garantiu à equipe rondoniense a classificação para participar do Torneio Nacional de Robótica, que acontece nos dias 16, 17 e 18 de março de 2018, em Curitiba, Paraná, reunindo equipes de todo o Brasil. A etapa regional Norte contou com a participação de 27 equipes formadas por mais de 200 alunos do ensino fundamental e médio de escolas públicas e particulares da região, dentre elas, sete escolas do Sesi: a campeã Sesi Vilhena-RO, duas de Manaus, uma de Roraima, uma de Itacoatiara, uma de Iranduba e uma de Parintins.Organizado pelo Sesi, o torneio é realizado em parceria do Sesi Nacional com a organização norte-americana First (For Inspiration and Recongnition of Science and Technology) e o grupo dinamarquês Lego® Education, com o objetivo de despertar o interesse das escolas para temas, como ciência e tecnologia.

 

PIB REGISTRA 3ª ALTA SEGUIDA

O Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro cresceu 0,1% no terceiro trimestre deste ano, na terceira alta seguida na comparação com os três meses anteriores. Os dados foram divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em valores correntes, o PIB alcançou R$ 1,6 trilhão. Os economistas previam uma variação do PIB maior no terceiro trimestre. No entanto, ressalvam que a variação de 0,1% no período foi compensada por uma revisão no resultado do PIB acima das expectativas. Para Alessandra Ribeiro, economista da Tendências, que projetava uma alta de 0,4%, “O 0,1% espantou um pouco, mas, é preciso ter cuidado nessa análise, porque o IBGE revisa bem as contas no terceiro trimestre e isso mudou bem a dinâmica trimestral”.  Por rotina, o IBGE revisou o PIB do primeiro e segundo trimestres. Em vez do crescimento de 0,2% no período de abril a junho, o avanço foi de 0,7%. Já no primeiro, o crescimento foi de 1,3%, ao contrário do 1% anteriormente divulgado.

 

PIB DO AGRONEGÓCIO DEVE CAIR ESTE ANO

O PIB (Produto Interno Bruto) do agronegócio deve cair 2% este ano, estima a CNA (Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil). Para 2018, a previsão é de uma alta de 0,5%. Ainda de acordo com a entidade, o setor deve encerrar o ano com participação de 23,5% do total do PIB. As previsões foram divulgadas nesta 3ª feira (5.dez.2017), em evento na sede da confederação, em Brasília.  Para este ano, a previsão de crescimento da safra agrícola é de 11% em relação à passada. Segundo Bruno Lucchi, superintendente técnico da CNA, o clima teve papel preponderante para a safra recorde.  O presidente da CNA, João Martins, ressalta que 2017 foi 1 ano atípico. “Foi 1 ano excepcional, tanto em termos de clima como da disposição dos produtores, que entenderam que deviam jogar mais tecnologia na terra e ter mais abertura de frente de plantio.”  A expectativa é de que haja uma queda de 6% na produção de grãos em 2018, com 223,9 milhões de toneladas. “O clima deste ano foi bastante favorável e dificilmente se repetirá. Para o próximo ano, o La Niña pode prejudicar a safra da região Sul de dezembro deste ano a fevereiro de 2018.”  O superintendente técnico da CNA, Bruno Lucchi, destaca que, neste ano “o clima foi excelente, mas os preços foram ruins“. Isso porque o faturamento da agropecuária não acompanhou a safra recorde. A expectativa é de queda de 2,36%, para R$ 537,8 bilhões.

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *