Legista confirma que bebê de 8 meses morreu por asfixia mecânica em Porto Velho

Escrito por
Atualizado: setembro 16, 2019

O médico legista Murilo Sergio Valente Aguiar confirmou nesse sábado (14) na Certidão de Óbito, que a bebê de oito meses que morreu na última sexta-feira (13) com suspeitas de ter sido estuprada, morreu por asfixia mecânica direta. Os pais da menina e um tio estão presos por determinação da Justiça.

Momentos após dar entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Zona Leste, a bebê teve a morte declarada. Na ocasião, o médico Francisco Collins Neves atestou que haviam sinais de violação sexual, conforme relatado na ocorrência policial.

A morte da bebê continua sendo investigada. Segundo informações da Policia, a criança e a mãe dormiam em camas separadas, ao acordar a mãe  percebeu que  o bebê estava com as partes íntimas sangrando e desesperada, correu para o Hospital, mas a criança não resistiu.

A PM foi acionada e depois da constatação da morte, os três foram levados para a Central de Polícia. O delegado então pediu a prisão temporária para que a Polícia Civil aprofundasse as investigações. O caso é apurado pela Delegacia de Homicídios de Porto Velho.

FONTE; RONDONIAGORA.COM

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.