Policial

Assassino de dirigente do PSOL do Xapuri é preso

Josemar Conde em foto de 2016

O Bope prendeu nesta sexta Francisco da Silva Barroso, conhecido como Chico Doido, acusado de ser o autor dos tiros contra o mecânico Josemar da Silva Cunha, líder do PSOL na região.

Na noite desta sexta-feira (22), o Bope (Batalhão de Operações Especiais) da Polícia Militar do Acre capturou Francisco da Silva Barroso, mais conhecido como Chico Doido, principal suspeito de ser o autor do assassinato do dirigente do PSOL Josemar da Silva Cunha.

Silva Barroso estava escondido na casa de uma irmã, em setor rural afastado de Xapuri. Na mesma operação, a PM encontrou a arma usada no crime, uma espingarda de grosso calibre.

O autor do crime estava foragido desde quarta-feira (20), dia em que cometeu o crime. Josemar da Silva Cunha, conhecido em sua região como Tripinha, levou um tiro no peito, e faleceu antes de que chegasse qualquer tipo de equipe de socorro.

Segundo as investigações, assassino e vítima enfrentavam há anos uma controvérsia entre propriedades de ambos em terrenos próximos à Reserva Extrativista Chico Mendes. O advogado do réu, Romano Gouveia, alega que a prisão de Silva Barroso é ilegal, já que o prazo para a prisão em flagrante já havia vencido e não havia mandado de prisão preventiva expedido pela justiça de Xapuri.

FONTE: REVISTA FORUM

Comentar

Print Friendly, PDF & Email
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com