Ação da PF contra fraudes nos Correios cumpre mandados em três estados

Escrito por
Atualizado: setembro 6, 2019

Organização teria causada prejuízos de R$ 13 milhões aos cofres da organização. Justiça determinou bloqueio de bens dos envolvidos

A PF (Polícia Federal) iniciou na manhã desta sexta-feira (6) a operação Postal Off, para desarticular uma organização criminosa que realizava fraudes nos Correios.

As autoridaes cumprem 11 mandados de prisão preventiva, 25 de busca e apreensão e um de prisão temporária nas cidades do Rio de Janeiro (RJ), Tamboré (SP), Cotia (SP), Bauru (SP), São Caetano (SP) e Belo Horizonte (MG).

Os mandados foram expedidos pela 7ª Vara Federal de Florianópolis/SC.

Segundo a PF, a investigação começou em novembro de 2018 em Santa Catarina. As autoridades descobriram um esquema com participação ativa de funcionários dos Correios, fazendo com que grandes cargas postais de seus clientes fossem distribuídas no fluxo postal sem faturamento ou com faturamento muito inferior ao devido.

Uma das principais modalidades de fraude era por meio da identificação de grandes clientes dos Correios, que eram procurados pelos investigados com a oferta de que rompessem seus contratos com a referida empresa pública e passassem a ter suas encomendas postadas por meio de contratos mantidos entre as empresas do grupo criminoso e a EBCT.

A organização teria causada prejuízos de R$ 13 milhões no que se refere às postagens ilícitas já identificadas, não computado o prejuízo diário que estava sendo causado pelo grupo investigado.

A Justiça determinou o bloqueio de contas bancárias e o arresto de bens móveis e imóveis, incluídos carros de luxo e duas embarcações, sendo uma delas um iate avaliado em R$ 3 milhões. Com as medidas espera-se que seja efetivado o bloqueio de R$ 40 milhões dos investigados.

 

FONTE: R7.COM

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.