Noticias

Saque da 1ª parcela do auxílio para 4,9 milhões começa nesta segunda

Pagamento será liberado em dinheiro hoje para 400 mil beneficiados nascidos em janeiro. Valor já foi depositado na conta poupança digital

A Caixa Econômica Federal libera nesta segunda-feira (6) o saque da primeira parcela do auxílio emergencial de R$ 600 para 400 mil beneficiários nascidos em janeiro. Ao todo, 4,9 milhões poderão sacar o dinheiro de acordo com a data de aniversário até o dia 18 de julho. Esse grupo fez o cadastro entre 1º e 26 de maio.

O depósito na poupança social para esse lote de beneficiários foi feito nos dias 16 e 17 de julho. O valor fica disponível apenas para o pagamento de contas, boletos e para a realização de compras por cartão de débito virtual ou QR Code. No total, foram disponibilizados mais R$ 3,2 bilhões.

Já quem preferir sacar o dinheiro em espécie tem que seguir o calendário. Também será possível fazer transferências bancárias a partir desta segunda, para evitar aglomerações em agências bancárias.

Veja as datas dos saques em dinheiro:

Nascidos em janeiro: saque em 6 de julho
Nascidos em fevereiro: saque em 7 de julho
Nascidos em março: saque em 8 de julho
Nascidos em abril: saque em 9 de julho
Nascidos em maio: saque em 10 de julho
Nascidos em junho: saque em 11 de julho
Nascidos em julho: saque em 13 de julho
Nascidos em agosto: saque em 14 de julho
Nascidos em setembro: saque em 15 de julho
Nascidos em outubro: saque em 16 de julho
Nascidos em novembro: saque em 17 de julho
Nascidos em dezembro: saque em 18 de julho

Mais saques

No dia 18 de julho também começa o calendário de saque para o grupo de 40,4 milhões de beneficiários do lote 1 (terceira parcela, lote 2 (segunda parcela) e lote 4 (primeira parcela). Esse grupo também já recebeu por depósito em conta poupança digital.

Quem pode receber

O benefício foi criado para diminuir os impactos da pandemia de coronavírus na população de baixa renda. O auxílio começou com três e passou para cinco parcelas de R$ 600, mas esse valor sobe para R$ 1.200 nos casos de mães responsáveis pelo sustento da família.

Com o fim do prazo para solicitar o benefício na quinta-feira (2), a Caixa disse que há ainda 1,9 milhão de solicitações em processo de verificação. O banco afirma que todos os inscritos, caso aprovados, estarão aptos a receber as cinco parcelas do benefício.

Segundo o banco, já foram pagos até agora R$ 116,7 bilhões a 65,1 milhões de beneficiários inscritos por meio do Cadastro Único, do Programa Bolsa Família, ou pelo site e pelos aplicativos da Caixa.

FONTE: R7.COM

Comentar

Print Friendly, PDF & Email
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com