Noticias

Governo diz que frigoríficos têm protocolos, mas não ‘risco zero’

Segundo autoridades da chinesa de Shenzhen, uma amostra de asas de frango congeladas importada do Brasil teve teste positivo para o coronavírus

O secretário de Assuntos Internacionais do Ministério da Agricultura, Orlando Leite Ribeiro, disse que os frigoríficos brasileiros seguem rígidos protocolos para evitar contaminação dos produtos durante a pandemia do coronavírus, mas que não existe “risco zero”.

“Temos os mais rígidos protocolos de prevenção, mas não existe ‘risco zero’. No entanto, é preciso sublinhar que não existem estudos científicos que sustentem o contágio por alimentos”, disse Ribeiro.

Nesta quarta-feira (12), o governo da cidade chinesa de Shenzhen disse que uma amostra de asas de frango congeladas importada do Brasil teve teste positivo para o coronavírus. O vírus teria sido encontrado em embalagens e não na carne de frango.

Segundo Ribeiro, o governo brasileiro já entrou em contato com a Administração-Geral de Aduanas da China (GACC) buscando as informações oficiais, mas a própria GACC aguarda mais informações sobre o caso ocorrido em Shenzhen. Os contatos entre os governos de Brasil e China continuam ocorrendo.

Não houve nenhum comunicado oficial ao governo brasileiro nem reação ou proibição de importação dos frigoríficos do país. “Temos um diálogo fluido e transparente com a GACC. Não houve nenhuma reação. Não fomos notificados oficialmente”, afirmou.

FONTE: R7.COM

Comentar

Print Friendly, PDF & Email
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com