Dez tragédias evitáveis mataram 1774 no país

Escrito por
Atualizado: fevereiro 11, 2019

Negligência, omissões e impunidade marcam tragédias no país

Pelo menos 1.774 pessoas morreram no Brasil desde 2007 em tragédias como acidentes aéreos, desabamentos, incêndios e naufrágios que poderiam ter sido evitados ou, ao menos, atenuados se regras tivessem sido seguidas, fiscalizações feitas corretamente e os alertas, respeitados.

Um histórico de negligência, omissões e impunidade une grandes tragédias ocorridas no Brasil nos últimos 12 anos aos desastres que causaram, recentemente, a morte de 182 pessoas na barragem de Brumadinho (MG), nas chuvas do Rio de Janeiro e no incêndio do Centro de Treinamento do Flamengo. A lista inclui ainda o rompimento de uma barreira de contenção de rejeitos de minério em Mariana (MG), em 2015; o incêndio na Boate Kiss em Santa Maria (RS), 2013; o desabamento do edifício no Largo do Paissandu, em São Paulo, no ano passado, entre outros.

FONTE: O GLOBO

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.