Mundo

França diz ‘ainda não estar pronta’ para ratificar acordo com Mercosul

Porta-voz disse que governo francês examinará ‘cuidadosamente’ o texto antes de se comprometer: ‘Hoje não posso dizer que vamos ratificá-lo’

A França “ainda não está pronta” para ratificar o acordo comercial firmado entre a União Europeia e Mercosul, anunciou nesta terça-feira (2) a porta-voz do governo francês, Sibeth Ndiaye.

“Vamos analisar isso em detalhes e, dependendo desses detalhes, iremos decidir. Por enquanto, a França não está pronta para ratificar o tratado”, afirmou Ndiaye, entrevista no canal de notícias BFM TV.

Para a porta-voz, os países do Mercosul (Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai) devem dar garantias à França para ratificar o acordo, como aconteceu com o Canadá antes de rubricar seu acordo comercial com a UE, o chamado Acordo Integral de Economia e Comércio (CETA, sigla em inglês).

“O que estávamos dizendo sobre o CETA há cinco anos não é o mesmo que dizemos hoje, Pois o CETA de cinco anos atrás, não é o de hoje. Há algumas garantias que obtivemos nas conversas com o governo canadense”, afirmou Ndiaye.

A porta-voz insistiu que o governo francês examinará “cuidadosamente” o texto antes de se comprometer: “Hoje não posso dizer que vamos ratificá-lo”.

Por sua vez, o ministro da Transição Ecológica e Solidária, François de Rugy, ressaltou que uma das “consequências indiretas” do acordo com o Mercosul é que o Brasil se comprometeu a não deixar o Acordo de Paris sobre o clima.

No entanto, lembrou que o tratado comercial “não foi ratificado ainda, e não será se o Brasil não respeitar seus compromissos” em matéria ecológica.

“Não haverá ratificação se o Brasil continuar com o desmatamento” na Amazônia, disse De Rugy.

A França tem sido desde o início um dos países mais relutantes em fechar o acordo com o Mercosul, devido principalmente às garantias ecológicas que exige e à pressão de seus agricultores, especialmente pelas importações de bovinos e açucareiros.

As negociações técnicas para um acordo entre a UE e o Mercosul começaram em Buenos Aires em abril de 2000 e desde então houve mais de 30 rodadas, um processo complexo, mesmo com bloqueios de longo prazo.

 

FONTE: EFE

Comentar

Print Friendly, PDF & Email
google.com, pub-7782545053471182, RESELLER, f08c47fec0942fa0 #adxnobeta google.com, pub-6305837203541982, RESELLER, f08c47fec0942fa0 #adsensenobeta advertising.com, 27019, RESELLER #VerizonVideonobeta adtech.com, 11471, RESELLER #VerizonDisplaynobeta rubiconproject.com, 20572, DIRECT, 0bfd66d529a55807 #rubiconnobeta rtbhouse.com, TDT9X1pgz7VI2ogjzQLQ, RESELLER #RTBHousenobeta criteo.com, 167147, DIRECT #Criteonobeta vdopia.com, 15003, DIRECT, 49a66ce31a704197 #video nobeta chocolateplatform.com, 15003, DIRECT, 49a66ce31a704197 #video nobeta vdopia.com, 15003, DIRECT, 49a66ce31a704197 #banner nobeta chocolateplatform.com, 15003, DIRECT, 49a66ce31a704197 #banner nobeta appnexus.com, 3153, RESELLER, f5ab79cb980f11d1 #nobeta152media appnexus.com, 10478, RESELLER, f5ab79cb980f11d1 #nobetaFI

BAIXE NOSSO APLICATIVO

TEMPO REAL

EM LINHAS GERAIS

TEIA DIGITAL

RESENHA POLÍTICA

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PARCEIROS

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com