Mundo

Coreia do Norte explode escritório de ligação com o Sul

Tensão entre dois países escalou depois que balões com propaganda de ativistas contra o líder norte-coreano, Kim Jung-un, foram soltos

Coreia do Norte destruiu o escritório que mantinha em conjunto com a Coreia do Sul nesta terça-feira (16). A informação foi divulgada pelo Ministério da Unificação e confirma as ameaças feitas por Kim Yo-jong, irmã do líder norte-coreano, de que o escritório poderia entrar em ‘colapso completo’.

Pelo lado norte-coreano, a informação foi confirmada poucas horas depois do ataque pela KCNA, a agência oficial de notícias da Coreia do Norte.

“O escritório conjunto entre o Norte e o Sul foi completamente destruído hoje”, diz o texto da KCNA. “Já interrompemos todas as linhas de comunicação entre as duas partes coreanas”, acrescenta a informação.

De acordo com a agência norte-coreana, a decisão do regime de Pyongyang está em conformidade com a posição de “pessoas raivosas” e com a intenção de “pagar um preço alto por seus crimes”, em aparente alusão ao Sul.

O escritório, localizado na cidade fronteiriça de Kaesong, foi aberto em 2018 e abrigava funcionários dos dois países.

O texto não cita expressamente a razão, mas a destruição desse escritório central ocorre em meio à crescente tensão entre Seul e Pyongyang pelo envio de balões com propaganda de ativistas contra o líder norte-coreano, Kim Jung-un.

Recentemente, o regime de Kim Jong-un – que nos últimos meses vem fazendo poucas aparições públicas -, tem endurecido a postura com relação a Estados Unidos e Coreia do Sul, após o fracasso da cúpula sobre desnuclearização, realizada em Hanói.

 

FONTE: R7.COM

Comentar

Print Friendly, PDF & Email
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com