Interior

INTERIOR: Rodovias de Cacoal, Ministro Andreazza e Espigão D’Oeste passam por manutenção

Manutenção das rodovias inclui patrolamento, nivelamento de trechos, substituição de manilhas, recuperação de pontes, e limpeza das laterais

Nos últimos dias, equipes da 4ª Residência Regional do Departamento de Estradas de Rodagem, Infraestrutura e Serviços Públicos (DER), em Cacoal, realizaram um serviço completo de manutenção na RO-383, que liga a BR-364, no distrito do Riozinho, a Espigão D’Oeste. Ao todo, foram recuperados 36,8 quilômetros da rodovia.

“Os trabalhos na rodovia, popularmente conhecida na região como Linha E, incluíram desde o patrolamento, abertura de saídas de água, levantamento de aterros e, ainda, a substituição de manilhas danificadas”, explica o residente regional do DER em Cacoal, Emiliano Mancuso.

Concluído o trabalho na RO-383, o DER deu início à manutenção da RO-471, em Ministro Andreazza. Além do patrolamento, as equipes estão fazendo toda a limpeza lateral da rodovia.

Antes de iniciar estes serviços, a 4ª Residência Regional do DER já havia trabalhado na manutenção de outras importantes rodovias da região de Cacoal e Espigão D’Oeste, como a Estrada do Pacarana (RO-387), que tem início em Espigão D’Oeste e segue até Boa Vista do Pacarana, na divisa com o estado do Mato Grosso. Na oportunidade, as equipes concluíram também a recuperação de uma ponte de madeira, garantindo mais segurança às pessoas que utilizam a rodovia.

Para o secretário regional de governo em Cacoal, Celso Adame, a atuação do DER é uma demonstração do compromisso do Governo de Rondônia com a população da área rural do Estado. “A manutenção das rodovias estaduais é o principal pedido feito pelos moradores da área rural, e o governo Marcos Rocha tem atendido este anseio, garantindo a trafegabilidade das estradas. Está sendo executada toda a manutenção, com patrolamento, nivelamento de trechos, substituição de manilhas, recuperação de pontes, limpeza das laterais, e muito mais. Tudo o que o DER pode fazer para melhorar a qualidade de vida do homem do campo, está sendo feito”, concluiu o secretário.

FONTE: SECOM/RO

Comentar

Print Friendly, PDF & Email
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com