Interior

CACOAL: “Eu nunca pensei que ia encontrar um tratamento tão humanizado”, diz paciente recuperado da Covid-19

Morador de Rolim de Moura, Wervton foi diagnosticado com Covid-19 em 24 de maio e no mesmo dia foi internado no HRC

Após 19 dias em tratamento contra a Covid-19 na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional de Cacoal, o motorista Wervton da Silva Pontes, de 49 anos, curte o aconchego do seu lar, dando continuidade aos cuidados, depois de uma grande batalha, onde contou com o apoio de toda a equipe da unidade hospitalar e o carinho de familiares e amigos que estiveram com ele em orações.

Morador de Rolim de Moura, Wervton foi diagnosticado com Covid-19 em 24 de maio e no mesmo dia foi internado no HRC. Febre e calafrios foram os primeiros sintomas que ele sentiu. A partir daí, os sintomas foram se agravando e os cuidados precisaram ser intensivos. Dos 28 dias que ficou internado na Unidade Covid-19 do Hospital Regional de Cacoal, 19 deles foram em um dos leitos de UTI.

“Graças a Deus, tive um tratamento de excelência, de todos os profissionais, do menor ao mais alto grau de ocupação. Foi um tratamento digno, para qualquer cidadão. E hoje a minha sensação é de alívio, de mais uma oportunidade de vida”, celebra Wervton, que hoje está entre os 7.691 rondonienses que já se recuperaram da Covid-19, conforme dados do Boletim do dia 28 de junho.

Ao receber a alta hospitalar, no dia 20 de junho, Wervton foi surpreendido com mensagens e gestos de carinho de sua família e parte da equipe de heróis que esteve com ele no Hospital Regional de Cacoal.

Na oportunidade, emocionado e em meio a lágrimas, o motorista de Rolim de Moura apenas agradeceu. “Eu não tenho palavras. Eu nunca pensei que ia encontrar um tratamento tão humanizado, da forma que eu encontrei. Eu só tenho que agradecer”.

Wervton destaca ainda a importância daquele momento em sua vida. “Ali eu estava podendo agradecer àquelas pessoas que se dedicaram dia após dia a me salvar, estava revendo minha família pela primeira vez e estava comemorando a vida, a oportunidade que tive de superar essa doença”, emociona-se.

Em casa, perto da esposa Dalva e dos filhos Thiago e Bruno Henrique, Wervton continua se cuidando e sendo acompanhado pelos profissionais da saúde. A mensagem que ele deixa a todos os rondonienses é só uma: “Confie em Deus, ele saberá direcionar a mão dos profissionais que ali estão, empenhados em salvar vidas”.

HOSPITAL REGIONAL DE CACOAL

Em Rondônia, o Governo do Estado tem o Hospital Regional de Cacoal como uma das unidades hospitalares referência para o tratamento da Covid-19, com 22 leitos de UTI’s em pleno funcionamento para atender pacientes da doença. Devido à alta taxa de ocupação, uma nova UTI foi completamente montada pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) e novos leitos estão disponíveis para tratamento. Para isso, a Sesau lançou um processo seletivo para contratação de médicos.

“Nós montamos uma UTI nova, com todos os equipamentos, ventiladores mecânicos, monitores multiparâmetros, bombas de infusão. Só faltam médicos, por isso queremos pedir aos profissionais de Cacoal e dos municípios próximos que se inscrevam no processo seletivo, o edital esta aberto. Precisamos de vocês”, pede o secretário de estado da Saúde, Fernando Máximo.

FONTE: SECOM/RO

Comentar

Print Friendly, PDF & Email
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com