A desinformação faz parte da cultura dos partidos de esquerda – Por Gessi Taborda

Escrito por
Atualizado: agosto 19, 2019

ARRANCADA

Uma arrancada histórica para a gestão do prefeito Hildon Chaves aconteceu num evento realizado na última sexta-feira, na sede da própria prefeitura, no Prédio do Relógio.

Ao firmar os contratos para essa nova etapa de obras da gestão de Porto Velho, o prefeito vai resolver um problema que é velho conhecido da população e que tanto atrapalha a vida de pedestres e motoristas da capital dos rondonienses.

PAVIMENTAÇÃO

O programa vai dotar a cidade de pavimentação asfáltica em dezenas de quilômetros de vias e resolver a questão dos buracos existentes até nas vias de maior fluxo de trânsito, especialmente nos corredores do transporte urbano.

Mais do que asfaltamento, também serão realizadas obras de drenagem em áreas críticas, com a construção de rede de canalização e até calçadas.

Essas obras estão garantidas graças à liberação de verbas de emendas parlamentares e de financiamento conquistado pela prefeitura com autorização da Câmara Municipal e de contrapartidas da própria prefeitura.

As promessas de asfalto em bairros da região de bairros como o Igarapé são antigas. Mas dessa vez essas demandas serão atendidas de verdade.

IMPORTANTE

O prefeito da capital dos rondonienses vem realizando obras importantes, mas de pouca exposição na mídia. É o caso, só para citar como exemplo, o trabalho de revitalização da Escola Municipal de Música Jorge Andrade. Ela foi transferida para a rua Júlio de Castilho com a Álvaro Maia. A inauguração ocorreu na semana que passou. A escola certamente cumprirá um importante papel social, orgulhando os defensores da cultura portovelhense.

DIFERENÇA

Com certeza a marca mais importante do governo de Hildon Chaves está na promoção de práticas sadias na política do município. Ele pôs um ponto final no relacionamento entre os poderes, até então marcado por um ambiente prostituído por barganhas indecorosas e venais. Hoje o envio de projetos já não é seguido por tentativas desesperadas e pouco éticas de apoio parlamentar, como se os temas interessassem unicamente ao Executivo e seu titular.

Hildon ainda não confirmou se vai disputar a reeleição no próximo ano. Claro que isso pode acontecer. E o povo testemunha que a sua gestão, mesmo aos trancos e barrancos, coloca o município de Porto Velho no rumo ao soerguimento, tirando-nos da cruel situação a que foi submetido pelas gestões da esquerda, quando a prefeitura ficou conhecida como a “Caverna de Ali Babá”.

REPETIÇÃO DA MENTIRA

Não sou sinceramente o sujeito que acredita que o governo atual não cometa erros pela sua verborragia. Isso não significa concordo com métodos de desinformação praticados por jornalistas esquerdistas (e eles existem em profusão no estado de Rondônia), alimentando uma cruzada contra políticos de direita, na ideia de desestabilizá-los.

O presidente Bolsonaro, a meu ver, dá muito “milho prá bode”, ao externar conceitos e pensamentos desnecessários especialmente quando fala a membros dessa mídia que pratica a desinformação como ferramenta marxista para prejudicar os inimigos “da direita”.

ALERTA

Bolsonaro deveria ser alertado sempre que a desinformação praticada pela “esquerdalha” faz parte de sua cultura. A esquerda pratica o vale tudo com competência nessa política da desinformação. Ela conseguiu destruir a reputação até do Papa Pio XII, espalhando mundo afora que ele era antissemita.

Há um trabalho sistemático, também na mídia rondoniense, voltado para demolir a narrativa de Jair Bolsonaro na defesa de postulados dos bons costumes, da ética e do combate à corrupção.

MALHAÇÃO

Essa imprensa desinformadora malha Bolsonaro pela sua forma rude de se expressar, mesmo quando suas afirmações são apenas a reação de um homem de caráter indignado com a baixeza promovida pela esquerda na banalização da imoralidade, tanto nos costumes como na gestão dos recursos públicos.

A esquerda segue a máxima de que “uma mentira muitas vezes repetidas acaba virando verdade”. E foi por isso que ela conseguiu transformar uma inexpressiva vereadora do Rio de Janeiro numa figura nacional após seu assassinato. E foi também pela técnica da mentira e desinformação que a esquerdalha transformou favela em comunidade. Agora faz tudo para transformar um ex-presidente bandido, condenado em 3 instâncias, em preso político.

FILHO DE BOLSONARO

Agora essa mídia desinformadora se ocupa de bombardear a possível aprovação do filho de Jair Bolsonaro para embaixador do Brasil nos Estados Unidos. É a mesma mídia que ficou calada quandorecursos da sociedade brasileira foram, via BNDES, desviados para sustentar essas ditaduras e, de quebra, alimentar a corrupção petista em Cuba, na Venezuela, em Angola, Moçambique, Equador, Nicarágua. Foram bilhões de dólares, suficientes para mudar de patamar a combalida saúde pública brasileira, se tivessem sido aplicados aqui.

Essa imprensa que combate a indicação do filho do presidente para a embaixada brasileira nos Estados Unidos nunca censurou o ministro anterior, Celso Amorim, pelas trapalhadas diplomáticas lá fora, e internamente pela sabujice a Lula (“nosso guia” — dizia), e pela falta de comando no ministério, que era dirigido pelo embaixador marxista Samuel Pinheiro Guimarães e pelo despreparado Marco Aurélio Garcia.

ANOTE

Das dez atividades com salários mais elevados no Brasil, seis estão no setor público, o que coloca os funcionários públicos federais no topo da distribuição de renda do País.

DIZEM

Que a falta de qualidade do sistema educacional é o grande freio ao desenvolvimento. O Brasil tem baixo percentual de alunos formados em ciências, tecnologia, engenharia e matemática. Enquanto China, Coreia do Sul e Estados Unidos têm metade dos universitários nessas áreas, no Brasil o percentual não passa de 15%.

CORONEL

Falando no deputado federal Coronel Chrisostomo, fontes do mundo político garantem que o rompimento oficial do parlamentar com o coronel governador Marcos Rocha está decidido.

DELAÇÃO

Pela primeira vez aparece o nome da AmBev na delação de Palocci, que disse que o PT, Lula e Dilma recebiam propina para não aumentar os impostos sobre bebidas alcoólicas. Palocci disse que as propinas chegaram a 333 milhões de reais para os três.

TRIBUNAL DE CONTAS

Está em tramitação na Câmara Federal Proposta de Emenda à Constituição que, se aprovada, terá reflexos positivos na fiscalização de contas públicas. Trata-se da PEC 329/13 que prevê mudança total na composição dos Tribunais de Contas, estabelecendo o fim das indicações políticas.

Segundo a proposta, os conselheiros dos TCs seriam: um eleito pela classe entre os auditores de controle externo concursados há pelo menos dez anos; um eleito pela classe entre os membros vitalícios do Ministério Público de Contas; um eleito, alternadamente, pelos conselhos profissionais de direito, administração, contabilidade e economia; e quatro eleitos pela classe dentre os auditores substitutos de conselheiros vitalícios.

AUTOR: GESSI TABORDA –  JORNALISTA –  COLUNA EM LINHAS GERAIS

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.