PF mira grupo que fabricava moeda falsa e vendia pelo WhatsApp

Escrito por
Atualizado: dezembro 2, 2019

Os agentes cumpriram três mandados de busca e apreensão e um de prisão preventiva Vitória, no Espírito Santo

Polícia Federal, por meio da Delegacia de Combate aos Crimes Fazendários do Espírito Santo, deflagrou na manhã desta segunda-feira (02/12/2019) a Operação Marduque para combater crimes de fabricação de moeda falsa e venda por meio do aplicativo de mensagens WhatsApp.

Os agentes cumpriram três mandados de busca e apreensão e um de prisão preventiva na residência dos investigados nos Municípios de Vitória e Viana, ambos no Espírito Santo.

PF localizou grande quantidade de cédulas falsas. Também houve a apreensão de equipamentos usados para a falsificação.

A notícia crime foi apresentada pelos Correios após cédulas falsas serem interceptadas, postadas em Vitória com destino a diferentes estados.

Os investigados, segundo a PF, responderão pelos crimes de falsificação e guarda de moeda falsa, cuja pena pode variar entre 3 e 12 anos de reclusão.

FONTE: METROPOLES.COM

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.