Deputado Anderson do SINGEPERON sofre derrota fragorosa nas eleições da entidade e tem seu futuro politico comprometido

Escrito por
Atualizado: Abril 13, 2018

Derrota nas eleições do SINGEPERON pode ser fatal para o deputado Anderson nas eleições e mandar ele e seu grupo a voltar  a bater cadeado nos presídios, isso se seus colegas de profissão aceitarem.

O deputado Anderson do SINGEPERON e seu grupo politico teve uma derrota gigantesca as eleições da entidade que teve seu final com a realização do segundo turno ocorrido no ultimo dia 11.04 e que foi vencido pela chapa oposicionista liderada pela agente penitenciaria Dahiane Gomes

A base politica do deputado Anderson, presidente licenciado do SINGEPERON  sempre foi a classe dos agentes penitenciários e sócio educadores, sendo que ele saiu do anonimato politico em 2014 e obteve quase 10 mil votos para deputado estadual, ficou como primeiro suplente e assumiu com a morte da ex deputada Lucia  Tereza.

O deputado Anderson se achava dono e senhor absoluto dos votos dos agentes e sócio educadores, e que poderia manipula-los a seu bel prazer, e começou a se comportar como se fosse um Semi Deus dentro do movimento sindical  e dentro da Assembleia legislativa, para ter contado com o deputado necessitava marcar hora e dependia de seu humor para ser atendido, sem falar que seu grupo que dirigia a entidade começou a humilhar e maltratar seus futuros eleitores, usando de arrogância e truculência, ai nas urnas, os agente s e sócio educadores deram o troco.

Deputado Anderson pode voltar a bater cadeado nós presídios de RO.

Esse resultado das eleições no SINGEPERON com a derrota de seu grupo politico que sem poder usar toda a estrutura sindical na campanha de reeleição do deputado Anderson, poder ser um tiro mortal em sua pretensão nas eleições proporcionais de outubro de 2018.

Há relatos que na campanha de 2014 muitos agentes penitenciários ajudaram com seus próprios recursos financeiros na campanha de Anderson, e nem sequer foram recebidos em seu gabinete. A equipe de reportagem da Folha Rondoniense, varias vezes tentou conversar com o deputado e recebeu um sonoro não, pois o deputado dizia que estava ocupado e não poderia atender a imprensa.

O deputado Anderson do SINGEPERON tem uma atuação parlamentar pífia, ridícula e mixuruca, sendo sua produção legislativa considerada inexpressiva é é  considerado um parlamentar do baixo clero dentro da Assembleia Legislativa, sem expressão nenhuma.

Se o deputado naufragar em sua pretensão de reeleição, o caminho mais certo é ele voltar a dar expediente dentro dos presídios de Rondônia, isso se conseguir capitanear o respeito perdido dos agentes penitenciários e sócio educadores, se não vai ter que trabalhar no setor de protocolo da secretaria.

Da Redação Folha

Autor: Gomes Oliveira DRT 1272 e Jose Leite Filho. jornalista DRT 1273

 

 

 

 

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *