Jardine faz mistério e escalação do São Paulo segue cheia de dúvidas

Escrito por
Atualizado: fevereiro 12, 2019

Na próxima quarta, o Tricolor mede forças com o Talleres, no Morumbi, e precisa vencer continuar na Libertadores. Time titular ainda tem indefinições

O técnico André Jardine tem algumas dúvidas para o jogo da próxima quarta, contra o Talleres, que vale vaga na terceira fase da Copa Libertadores. Precisando reverter a derrota por 2 a 0 sofrida na Argentina, o São Paulo terá mudanças em relação ao time que jogou em Córdoba. A dúvida, no entanto, está em quais peças serão trocadas.

O dilema da comissão técnica é relevante. Afinal, para se manter vivo na competição continental, o Tricolor necessita vencer por três ou mais gols de diferença para avançar de fase. Caso vença por 2 a 0, a decisão vai para os pênaltis, e qualquer outro resultado classifica os argentinos para a próxima etapa da Copa Libertadores.

Anderson Martins seria titular na Argentina, na semana passada, caso não tivesse sido diagnosticado com uma tendinite. Fora dos dois compromissos últimos do Tricolor, o zagueiro está recuperado. Por ser forte na bola aérea pode ser escolhido por André Jardine e iniciar o jogo contra o Talleres. Atualmente, Arboleda e Bruno Alves são os titulares.

Volantes

A formação do meio de campo do São Paulo é o maior dos mistérios. O técnico André Jardine não terá Hudson, suspenso, e Liziero, machucado. Jucilei seria o favorito para ser escalado na frente da defesa, mas foi muito criticado pela atuação na Argentina e está em baixa. Sendo assim, Willian Farias e o jovem Luan, que retornou segunda da Seleção Brasileira Sub-20, também brigam por uma vaga.

Posicionamento de Hernanes

A outra dúvida para o meio de campo está no posicionamento do Profeta. Embora o capitão do Tricolor tenha deixado claro que prefere atuar na armação das jogadas, o técnico André Jardine o testou como segundo volante no último sábado, contra a Ponte Preta, no Moisés Lucarelli.

Um dos principais problemas do São Paulo neste início de temporada está na transição de bola da defesa para o ataque e, por isso, Hernanes deve atuar um pouco mais recuado do que de costume. Ainda assim, a escalação do Profeta mais próximo dos atacantes não está descartada. Inclusive, dependendo do que aconteça na partida, Jardine pode deslocar o meio-campista para jogar mais próximo de Nenê.

Setor ofensivo

Setor mais importante do time para a decisão com o Talleres, o ataque também pode sofrer alterações. Poupado no último sábado, o centroavante Pablo está confirmado como homem de referência na frente. O meia-atacante Everton é outro que deve ser titular contra os argentinos.

Desta forma, a outra vaga deve ser disputada por Helinho, Antony e Diego Souza e até mesmo com Nenê (nesta possibilidade, Hernanes jogaria como meia ofensivo e Jardine escalaria dois volantes de origem). Os atacantes Biro Biro e Gonzalo Carneiro correm por fora nessa disputa.

FONTE: LANCE

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.