Esporte

Dudamel elogia atuação do Galo e reclama de vazamentos internos

O treinador não gostou de saber que sua escalação, mudando o sistema tático do time e as peças em campo havia sido divulgada pela imprensa

O técnico Rafael Dudamel falou com esperança sobre o futuro o time após o Atlético-MG derrotar o Unión Santa Fé por 2 a 0, no jogo de volta da primeira fase da Copa Sul-Americana, mesmo sem conseguir a vaga, ja que precisaria de pelos menos três gols para levar a decisão para os pênaltis ou quatro tentos de vantagem para obter a classificação na competição continental.

Dudamel exigiu que as próximas apresentações sejam no mesmo nível, ou melhores do que aconteceu no Independência, diante dos argentinos.

– Depois dessa demonstração, não espero nada menos dos jogadores. E a cada dia, a cada jogo, vamos marcando uma evolução de cada jogador e uma evolução da equipe. Foi uma partida perigosa, de alto risco, de tudo ou nada. E tinha que apostar. Eu compartilhei com os jogadores, que entenderam a ideia. Ganhamos o jogo, mas não alcançamos a classificação- disse.

Entretanto, um outro assunto gerou incômodo no treinador em sua coletiva, que ele externou publicamente: o vazamento de informações internas do clube, como sua escalação, muito antes do início da partida, com as várias alterações de atletas e do sistema de jogo.

-Há um detalhe que eu quero publicamente administrar, porque não gostei antes do jogo. Saiu a informação do nosso time, do nosso elenco para hoje, antes de chegar ao estádio. E isso não me deixou tranquilo. Eu sei que vocês da imprensa querem a premissa de ter a informação, de ter o time inicial. Mas os jogos nós ganhamos no campo e vocês, como jornalistas profissionais, fora do campo, também nos ajudam. Então, tentamos conseguir o elenco do rival, mas não tivemos a premissa de conhecer nosso rival. Temos que trabalhar muito para descobrir de onde está vazando a informação interna. E eu vou vir aqui e vou falar para todos vocês o nome desse intruso que temos em família, dentro de casa. Isso não pode seguir acontecendo. Temos que trabalhar muito com isso. São pequenos detalhes que também são valiosos – disse.

 

FONTE: LANCE

Comentar

Print Friendly, PDF & Email
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com