Atlético-MG joga mal e perde para o Cerro Porteño na Copa Libertadores

Escrito por
Atualizado: março 7, 2019

Galo não conseguiu fazer um  bom jogo, teve alguns lances de perigo, mas foi a defesa dos paraguaios foi soberana sobre o time mineiro

Estava tudo organizado para uma volta triunfal do Atlético-MG ao Mineirão. Boa presença de público, elogios à estrutura do estádio, ambiente favorável. Tudo a favor do Galo para uma estreia vencedora na Libertadores. Faltou combinar com o Cerro Porteño-PAR, que foi eficiente e saiu de Belo Horizonte com uma grande vitória por 1 a 0 sobre os mineiros pelo Grupo E da competição sul-americana.

O Galo foi previsível, sem inspiração nenhuma. O time era totalmente dominado no setor defensivo dos paraguaios que bloqueou todas as saídas ofensivas alvinegras. Nenhuma das duas laterais funcionaram. Luan, Cazares e Ricardo Oliveira eram isolados pela defesa do Cerro e em momento algum houve alguma jogada coletiva bem trabalhada. As reclamações pelos dois gols anulados foram vãs, pois a arbitragem acertou nos dois lances.

Levir Culpi tentou mudar o jeito do time jogar após começar com três volantes, com as entradas de Nathan, Vinicius e Chará, mas o Cerro Porteño soube se manter firme na defesa e foi premiado com um gol “achado” de Churin, atacante que esteve na pauta do Galo, mas sem negócio. O avante do Cerro acabou decidindo o jogo por uma falha na defesa alvinegra que até o gol sofrido, pouco tinha sido incomodada pelos paraguaios.

O duelo com o Cerro mostrou que o nível das equipe da fase de grupos é outro e o Atlético-MG terá de trabalhar muito para buscar se recuperar a se classificar na competição continental. O Galo não terá muito tempo para lamentar a derrota, pois volta à campo na próxima terça-feira, dia 12 de março, às 21h30, contra o Nacional-URU, em Montevidéu, pela segunda rodada do Grupo E, O Cerro recebe o Zamora-VEN, na quarta-feira, dia 13, às 19h15, em Assunção.

ATLÉTICO-MG 0 X 1 CERRO PORTEÑO-PAR
Estádio
: Estádio Mineirão – Belo Horizonte(MG)
Data-hora: 6 de março de 2019, às 19h15
Árbitro: Mauro Vigliano(ARG)
Assistentes: Hernán Maidana e Gabriel Chade(ARG)
Gol: Churin, aos 32’-2ºT(0-1)
Cartões amarelos: Réver, Adilson(ATL)
Público e renda: 38776/não divulgada

ATLÉTICO-MG: Victor; Patric, Igor Rabello, Réver e Fábio Santos; Adílson(Vinicius, aos 39’-2ºT), Elias(Chará, aos 14’-2ºT).; Jair(Nathan, aos 29’-2ºT), Cazares e Luan; Ricardo Oliveira. Técnico: Levir Culpi

CERRO PORTEÑO-PAR: Carrizo; Candia, Escobar, Amorebieta e Arzamendia; Aguilar, Villasanti, Cáceres, Oscar Ruiz, Fede Carrizo (Espinola, aos 46’-2ºT)o,Nelson Valdez(Churin, aos 9’-2ºT) Larrivey (Novick, aos 28’-2ºT). Técnico: Fernando Jubero

FONTE: LANCE

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.