Teatro Guaporé sedia a abertura do 4º Festival Unir de Arte e Cultura

Escrito por
Atualizado: novembro 7, 2018

O evento tem como objetivo provocar reflexão e fundir a arte através de debates e discussões sobre cultura

A cerimônia de abertura do IV Festival Unir de Arte e Cultura aconteceu nesta segunda-feira (05) no Teatro Guaporé, em Porto Velho. O evento tem como objetivo provocar reflexão e fundir a arte através de debates e discussões sobre cultura. A programação envolveu música, cinema e teatro, tanto locais quanto de fora do estado.

A atração que abriu a noite foi Humberto Amorim, violinista, professor e pesquisador. Amorim dedicou uma das canções aos seus pais, emocionando o público e agradeceu a oportunidade de se apresentar ao público de Rondônia, se disponibilizando para futuras apresentações.

Foto: Emanuelle Araújo

O curta rondoniense Balanceia foi outro destaque das apresentações da noite. Dirigido por Juracir Júnior e Thiago Oliveira, o filme narra a aventura de um turista à ilha de Parintins, onde ocorre o Festival Folclórico da região, e que acaba se deparando com as comunidades ribeirinhas que ali vivem. Exibido nas cinco regiões do país e selecionado para um Festival de Cinema na Itália, o evento marcou a terceira vez em que o curta é projetado para o público do estado.

Foto: Emanuelle Araújo 

Para finalizar as apresentações, entrou no palco a cantora paulistana Fabiana Cozza, acompanhada do pianista cubano Pepe Cisneros. Em uma apresentação feita totalmente em línguas estrangeiras, Fabiana performou covers de músicas latinas como Babalu, de Angela Maria, e foi recebida por apalusos ao encerrar com uma versão da famosa canção francesa La Vie en rose, de Édith Piaf.

Foto: Emanuelle Araújo

Com o fim das apresentações programadas da noite, a solenidade de abertura do Festival foi concluída, marcando assim, o início oficial do evento. Ari Ott, reitor da Unir, e Marcelle Pereira, Pró-Reitora e organizadora do evento, esperam que o Festival, que ocorrerá até o próximo sábado em diversos locais da capital e do interior, sirva para difundir o alcance das artes e dos trabalhos dos artistas da região para a população.

FONTE: ASSESSORIA

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.