Prefeito Hildon Chaves verifica instalações de laboratório que analisará asfalto

Escrito por
Atualizado: fevereiro 12, 2018

Objetivo é garantir a qualidade e durabilidade do asfalto que será feito ao longo do ano

Com a perspectiva de asfaltar e recapear um total mais de cem quilômetros de ruas e avenidas este ano em Porto Velho, o prefeito dr Hildon Chaves visitou na quinta-feira (8) o laboratório de análises de solos e concreto do Senai, em Ji-Paraná, com o qual será firmado convênio para análises que garantirão a qualidade e a durabilidade do asfalto a ser usado.

De acordo com o prefeito, o objetivo do convênio é, dentre outros, garantir que o asfalto CBUQ (Concreto Betuminoso Usinado a Quente) que é uma mistura entre agregados minerais (britas, pó-de-pedra, filler) e o ligante asfáltico CAP (cimento asfáltico de petróleo), tenham respectivamente 95% e 5%. Essa é a composição que garante a qualidade e durabilidade de um bom asfalto para as cidades. Os agregados têm a função de assegurar a resistência mecânica e estabilidade da mistura. Já o CAP tem função de promover a aglutinação, flexibilidade, impermeabilidade e durabilidade da mistura asfáltica.

Após a formalização do convênio com o laboratório, os laudos serão utilizados nos projetos de fiscalização da engenharia e estarão disponíveis também aos órgãos de controle. “É uma forma de se evitar um eventual ralo do dinheiro público se a execução correta não for rigorosamente observada”, disse dr Hildon.

Acompanharam o prefeito, o secretário municipal de Infraestrutura, Urbanismo e Serviços Básicos, João Chrisóstomo e o assessor de políticas governamentais, Guilherme Erse. A equipe constatou as condições de atender aos projetos a serem implementados pela prefeitura da capital.

Chrisóstomo explicou que o estudo do solo é essencial, pois dependendo do resultado das análises em laboratório, a equipe de engenharia da prefeitura aplicará a técnica ideal para garantir a qualidade do serviço executado.

“Esse tipo de estudo vale para qualquer projeto, seja para aplicação do asfalto, drenagem ou até mesmo para definir o traço da massa asfáltica, que diz respeito ao percentual dos insumos a serem aplicados na sua preparação. Tal procedimento garante mais qualidade e credibilidade nas obras de infraestrutura que serão realizadas na gestão do dr Hildon”, comentou o secretário da Semisb.

Na avaliação de Chrisóstomo, o laboratório do Senai oferece todas as condições para atender as necessidades da prefeitura de Porto Velho. “A visita in loco era um dos requisitos a serem cumpridos para que a parceria seja firmada em breve”, acrescentou.

Fonte: Comdecom

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.