Laerte Gomes visita canteiro de obras do complexo Beira Rio Cultural em Ji-Paraná

Escrito por
Atualizado: julho 6, 2019

Obra do Beira Rio Cultural é fruto de recurso destinado por meio de indicação do presidente da ALE-RO

Esta semana, o presidente Laerte Gomes (PSDB) visitou as obras da Praça Beira Rio Cultural, em Ji-Paraná. Após várias cobranças do parlamentar junto ao Governo do Estado e ao DER, a construção do espaço de lazer e entretenimento, que estava parada há muito tempo, reiniciou a todo vapor.

Em março deste ano, Laerte Gomes já havia reivindicado o retorno da obra, planejada em 1994, reiniciada no ano passado após a liberação de recurso na ordem de R$ 1,6 milhão, capitaneado por esforço e gestão política do parlamentar junto ao Governo do Estado em parceria com a Prefeitura de Ji-Paraná, porém, os serviços no canteiro de obras foram paralisados.

Satisfeito com a retomada da obra, o presidente destacou que o complexo de lazer às margens do Rio Machado é um local muito aprazível e de grande importância para a cidade. Segundo o parlamentar, o projeto que agora sairá de fato do papel, é uma conquista coletiva.

“Esse é o nosso trabalho como deputado estadual. Trabalhando em parceria o prefeito Marcito Pinto (PDT), com o Governo e o DER, mantendo sempre essa união de forças, garantimos resultados que fazem da nossa cidade, um lugar cada dia melhor. O povo de Ji-Paraná aguarda há muito tempo e merece desfrutar desse espaço que será um ponto turístico muito bonito, um cartão postal da nossa Ji-Paraná”, comemorou o deputado.

A obra do Beira Rio Cultural, é fruto de recurso destinado por meio de indicação do presidente Laerte Gomes. O Governo, por sua vez, disponibilizou a verba pelo DER, com recurso do Programa Integrado de Desenvolvimento e Inclusão Socioeconômica do Estado de Rondônia (Pidise).

FONTE: ALE/RO –  DECOM

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.