Israelenses e brigadistas de Rondônia patrulham 180 km de extensão em um dia

Escrito por
Atualizado: setembro 9, 2019

Área de 1.100 km² foi percorrida no último final de semana durante missão de combate aos incêndios e desmatamentos na região

O primeiro dia de trabalho da equipe de Bombeiros israelenses juntamente com a equipe combinada de brigadistas brasileiros em Rondônia realizada neste último final de semana, resultou no patrulhamento de 180 km de extensão, abrangendo uma área total de 1.100 km².

Segundo o comando da 17ª Brigada de Infantaria de Selva (17ª Bda Inf Sl), após um dia inteiro de intenso trabalho de atividades conjuntas, foram detectados focos de incêndio na Flona do Jamari, região de Candeias do Jamari, município que fica há cerca de 25 km da capital do estado.

De acordo com relatório apresentado pelo comando da Operação no último final de semana, somente na Base 3, desde o início da Operação, já foram debelados 39 focos de incêndio e apreendidos os seguintes materiais: 2 caminhões, 1 espingarda, 40,6 m³ de madeira em 30 toras.

O número de Termos Circunstanciados de Ocorrência e Autos de Infração já chega a 26, com 896,86 hectares embargados, 2 pessoas detidas e multas aplicadas no valor total de R$ 5.370.908,00.

A Equipe de Bombeiros e resgate de Israel que chegou em Rondônia na última quinta-feira (5) é formada por 11 bombeiros com experiência em combate ao fogo e expertises em diversos tipos de bioma, como floresta e campo, e é dotada de equipamentos para combater incêndios em zonas rurais, sensores tecnológicos, drones e de um aplicativo, que foi desenvolvido especialmente para esta missão.

A Operação de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) Verde Brasil/17 sob a coordenação da 17ª Bda Inf Sl e com a participação de Órgãos Estaduais e Federais, recebeu, nesta quinta-feira (5 SET 2019), o reforço de onze bombeiros israelenses para auxiliar no combate aos focos de incêndios na região. A sexta-feira (6) foi destinada a briefings e trocas de experiências no Centro de Monitoramento da Operação em Porto Velho.

No sábado (7), os israelenses começaram a atuar na Base 3 (Madeflona), região da Flona Jacundá, município de Candeias do Jamari, RO. No transporte dos israelenses até a Base 3, foi utilizado um helicóptero, de modo a se poder realizar reconhecimento aeromóvel no itinerário e se identificar focos de incêndio na região.

Os militares estrangeiros foram inseridos numa patrulha combinada, composta por brigadistas brasileiros (IBAMA, ICMBIO e CBM/RO), equipe de fiscalização e segurança da Polícia Militar Ambiental e do Exército Brasileiro e já começaram a atuar.

O objetivo da ação foi checar os locais de calor indicados por satélites do CENSIPAM e combater possíveis focos de incêndios no local ou no deslocamento, bem como realizar autuações contra crimes ambientais.

Com informações da 17ª Bda Inf Sl 

FONTE: RONDONOTICIAS

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.