Após veto do governador a acordo, agentes penitenciários decidem entrar em greve

Escrito por
Atualizado: janeiro 15, 2019

Os agentes penitenciários e socio educadores de Rondônia decidiram entrar em greve por tempo indeterminado, com início do movimento previsto para iniciar ainda nesta semana. A informação foi feita pela presidente da entidade sindical, Daihane Gomes, em postagem no Facebook no final da tarde desta segunda-feira. Ela afirmou que a categoria se sentiu traída pelo veto do governador Marcos Rocha (PSL) a um realinhamento previsto no Orçamento.

De acordo com Daihane Gomes, desde o dia 3 o Singeperon tentou audiência para tratar sobre a antiga reivindicação, que nada mais é do que o realinhamento previsto no orçamento. “Pedimos dia 3 para que nos recebesse para que pudéssemos firmar o diálogo, mas o governador vetou sem ao menos nos informar. Conforme deliberação da categoria, que é soberana, está decretada greve que vai começar assim que comunicarmos os órgãos competentes e orientar como será feito. Não imaginávamos ser tratados dessa forma, com esse tipo de tratamento aos agentes”, disse, entre outras críticas.

FONTE: RONDONIAGORA.COM

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.