ANTAQ recebe vice-presidente da CNT

Escrito por
Atualizado: abril 12, 2019

Foram discutidos assuntos relacionados à navegação interior e aos terminais portuários na Região Amazônica

O diretor da ANTAQ, Adalberto Tokarski, recebeu o vice-presidente da Confederação Nacional dos Transportes (CNT) e presidente da Fenavega, Raimundo Holanda. As autoridades se reuniram na sede da Agência, em Brasília, na quarta-feira (10). Holanda esteve acompanhado do diretor- presidente da Sociedade de Portos e Hidrovias do Estado de Rondônia (SOPH), Amadeu Hermes Santos da Cruz.

O encontro teve como pauta assuntos relacionados à navegação interior e aos terminais portuários na Região Amazônica. Tratou-se de estratégias para a implantação de um terminal portuário no município de Guajará-Mirim (RO), visando resolver recente impasse que prejudica o comércio bilateral entre o Brasil e a Bolívia, atividade fundamental para região.

Também foi abordada a situação de manutenção e operação dos terminais hidroviários construídos pelo DNIT, que movimentam anualmente mais de seis milhões de passageiros na Região Norte e são fundamentais para a mobilidade e subsistência de diversas comunidades ribeirinhas.

Holanda comunicou à ANTAQ sobre um amplo estudo iniciado pela CNT para mapear diversos aspectos da navegação fluvial em todo o Brasil. Tokarski colocou o corpo técnico da Agência à disposição para auxiliar nos trabalhos.

Outros dois temas que foram abordados pelo vice-presidente da CNT foram a necessidade de fiscalizar empresas que não têm autorização ou registro, principalmente na Amazônia, e o fato de a navegação interior não depender de utilizar mão de obra do OGMO.

Também estiveram presentes o superintendente de Desempenho, Desenvolvimento e Sustentabilidade da ANTAQ, José Renato Fialho, e os assessores do diretor Pedro Batista Neto e Auxiliadora Borges.

Fonte:http://portal.antaq.gov.br/index.php/2019/04/11/antaq-recebe-vice-presidente-da-cnt/

Comentar

Print Friendly, PDF & Email

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.