Agronegócio

Road Show 2016: Ramon Amaral. “Brasilian Fish leva o charme e o sabor da Tilápia a mesa dos Brasileiros”

O Grupo Âmbar Amaral, proprietário da marca “Brasilian Fish”, que participa de todo o processo da cadeia produtiva do agronegócio da Tilápia, com produção de alevinos, engorda, Industrialização e comercialização, para todos os gostos, esta antenada  na chamada revolução azul, nome dado na última década ao desenvolvimento da produção de pescados em todo o mundo.

 Na revolução azul, o movimento acontece sem muito alarde, mas vai ocupando espaços cada vez maiores, como os dos reservatórios de água das usinas que produzem eletricidade. Em todo o País, são mais de dez milhões de hectares de lâmina d’água, dos quais metade está disponível à aqüicultura em 23 hidrelétricas. Nesses reservatórios, de modo geral, a Tilápia é a espécie que mais tem se adaptado às técnicas disponíveis. Santa Fé do Sul/São Paulo, sede do Grupo Âmbar Amaral  e onde esta localizada  o setor de Tilápiacultura  ,  à beira do reservatório da hidrelétrica de Ilha Solteira –com uma lâmina d’água de 1.195 quilômetros quadrados de extensão.

Na administração do Grupo Âmbar Amaral ligado diretamente  a piscicultura, Ramon  Amaral é o responsável pela A3 (produção de Tilápia, evolvendo todo seu processo, alevinos, alimentação, engorda, vacinação, descarte, produção) pelo Frigorífico Brazilian Fish responsável pela Industrialização , evolvendo uma série de produtos  para serem ofertados aos consumidores) .

Felipe  Amaral, outro filho do fundador Antonio Carlos Lopes do Amaral “in memorian”, que também é zootecnista, administra a fábrica de ração RAGUIFE, que atualmente produz 30 mil toneladas, por ano, de alimento destinado a cavalos e peixes. Integrados dessa maneira a fábrica de ração, frigorífico e piscicultura.  O Grupo  ainda conta com a RAGUIFE transportes para fazer a distribuição de todos os produtos comercializáveis  da Brasilian fish

Brazilian Fish foi Inaugurada em 2008, criar peixe em cativeiro foi à fórmula encontrada pelo pecuarista Antônio Carlos Lopes do Amaral fundador do Grupo “in memorian” , para que os filhos mantivessem uma atividade focada no agronegócio.

 Empresas do Grupo Âmbar Amaral  ligada a  Cadeia Produtiva da Tilápiacultura

– Indústria de Rações. (RAGUIFE)´, comandada pelo Irmão Felipe  do Amaral – Zootecnista

– Piscicultura.  (3A) comandado pelo engenheiro  agrônomo  Ramon  do Amaral

 – Frigorífico de Peixes (Brazilian Fish) comandado pelo engenheiro  agrônomo  Ramon do Amaral

A parte de Rotisserie é comandada pela matriarca da Família  Sonia Ambar do Amaral

 -Raguife Transportes – comandada pelo Diretor Ramom Ambar do Amaral

Segundo Ramon  que é  ligado diretamente à produção e comercialização de produtos derivados da Tilápia,  a crise hídrica que assolou o estado de São Paulo, trouxe desconforto para os produtores locais, mas com as recentes chuvas, tudo se normalizou e a produção voltou à normalidade.

Segundo dados apresentado pelo diretor,  cada tanque produz a media de 80 kg por m3, sendo que o  tamanho dos tanques rede variam de acordo com a produção destinada a cada tanque  e sua conveniência.

Ressaltou ainda que o setor exija muito trabalho e esforço, mas é uma atividade lucrativa, sendo que seu retorno financeiro, chega a ser aproximadamente 4 vezes superior  aos valores investidos na pecuária, até brincou “Tenho um irmão que cuida da parte do Setor de  pecuária do Grupo Ambar Amaral  no norte de Mato Grosso, fica meio tranqüilo, com  tempo de sobra, aqui trabalhamos muito mais, mas  na hora da apuração dos resultados financeiros, nossa atividade apresenta números de ganho bem superiores ao da pecuária, e sorriu .

Outros dados  destacado por Ramon, é que com a demanda de produção de pescados, principalmente da atividade ligada a  Tilápiacultura, a mesma  não esta atendendo o mercado consumidor , por isso novos produtores estão se integrando a cadeia de produção, pois os preços ofertados pela espécie chega a valer aproximadamente  4 reais (peixe Vivo)por kilo e isso é um grande atrativo.

Ramon falou que os alevinos são criados em tanques escavados, depois já com aproximadamente 300 gramas, são transferidos para os tanques redes , dentro do Rio Paraná, sendo a produção de aproximadamente 300 toneladas por mês, atualmente  o setor de produção comporta 56 tanques de 6m³ e 50 tanques de rede de 18m, e que com o sistema de vacinação “um a um” das Tilápias, por funcionários, a mortandade que era altíssima conseguiu ser reduzida em aproximadamente noventa por cento, sendo que os peixes mortos, ainda~são aproveitados, num sistema de compostagem, e produzem um adubo orgânico de excelente qualidade.

Lembrou que nesta época de quaresma,  pode  ser considerado o natal e a páscoa estendida para  produtores, pois o consumo aumenta consideravelmente, passado este período tudo volta à normalidade, mas dentro do segmento do agronegócio a piscicultura, especialmente a Tilápia cultura, tem mostrado uma atividade empresarial altamente lucrativa.

Brasilian Fish:  todo o Charme e o sabor da Tilápia

Os brasileiros tem o grato prazer de sentar a sua mesa e degustar todos os sabores da Tilápia em seu cardápio, pois o Grupo Ambar Amaral, através da Marca “Brasilian Fish”  oferece uma Rotisserie, com os mais variados  sabores e pratos. Segundo o Diretor Ramon, através de uma vasta rede de supermercados, casa especializada no gênero a marca já consegue um espaço significativo no mercado consumidor, e já conseguimos exportar para alguns países.

Vejam abaixo uma demonstração da força e do Charme da Marca

Receita 3 Receita2

Receita4 receita1

Vejam Fotos dos Jornalista do Road Show 2016  na visita ao Grupo Ambar Amaral

DSCF0659 DSCF0662 DSCF0663 DSCF0668 DSCF0669 DSCF0693 DSCF0701 DSCF0702 DSCF0707 DSCF0710 DSCF0713 DSCF0714 DSCF0717 DSCF0718 DSCF0725 DSCF0728 DSCF0730 DSCF0731 DSCF0736 DSCF0738 DSCF0741 DSCF0743 DSCF0750 DSCF0751 DSCF0752 DSCF0767 DSCF0774 DSCF0777

Comentar

Print Friendly, PDF & Email
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com